Um guia amplo sobre as principais Igrejas e Basílicas de Roma

 

Uma cidade do mundo que respira história é Roma, na Itália. Apesar de Roma ter diversos monumentos históricos, o assunto deste artigo irá abordar alguns locais em especial, as igrejas e basílicas.

Se por ventura, estiver indo para Roma, não deixe de conferir este amplo guia. Neste guia você poderá encontrar muitas informações técnicas e históricas, sobre cada uma delas. Após ler este guia, você poderá ensinar muitas coisas até mesmo para os guias das igrejas e basílicas de Roma.

 

Vamos começar: igrejas e basílicas

Basílica de São João de Latrão igrejas e basílicas

Conhecida também por ser a Catedral da Diocese de Roma, da qual é Bispo o Santo Padre. Foi erguida entre 313 e 318, pelo imperador Constantino. A sua fachada foi construída por Alexandre Galilei, de 1732 a 1735. Estando lá ou olhando por fotos você poderá ver que os batentes do portão central, são de bronze e são provenientes da Cúria do Foro Romano, e foram trazidos em 1660.

No interior, o teto da basílica composto por madeira dourada, foi construído por Daniel de Volterra. Dentro, você poderá ver também estátuas dos 12 apóstolos, em tamanho impressionante e tais obras foram realizadas no século XVIII. O tabernáculo ogival que se localiza no centro da construção, contém como relicários as cabeças de São Pedro e São Paulo. Abaixo do tabernáculo, fica o altar papal onde só o Sumo Pontífice pode celebrar a santa missa.

basilica sao joao de latrao
Basílica de São João de Latrão

Algo que certamente você irá notar é o mosaico que fica localizado na abside. Os autores foram Lacopo Torriti e Jacopo de Camerino, no século XIV. No alto, tendo por fundo um céu azul, surge a figura de Cristo, e em seu entorno diversos anjos. Logo abaixo, há uma cruz, e em torno da cruz está a Virgem Maria e outros Santos.

 

Igreja de Santa Maria Maior igrejas e basílicas

Sendo a igreja mais importante dedicada a Nossa Senhora, foi erguida em 431. A igreja possui três edifícios. O principal, um em sua esquerda e outro em sua direita. Construída no século XIV, à direita temos a torre sineira. À esquerda está a Porta Santa.

O interior, como já é de se esperar, é de tirar o fôlego. O teto de madeira é revestido com a primeira remessa de ouro de Colombo trouxe das Américas. Na igreja de Santa Maria, há de se contemplar o Mosaico do arco triunfal, proveniente do século V.

Igreja de Santa Maria Maior
Igreja de Santa Maria Maior

Na abside se encontra o magnífico Mosaico do Coração de Nossa Senhora, feito em 1295 por Jacobo Torriti.

 

Basílica de São Paulo Extramuros igrejas e basílicas

Quando você lê a palavra Extramuros, logo pensa em algo grandioso. E está correto. Depois da Basílica de São Pedro, é a que possui maiores dimensões. Logo na entrada será possível visualizar um belo mosaico, onde se encontram: Cristo no ato de abençoar, São Pedro e São Paulo. Um pouco mais abaixo, o cordeiro de Deus e quatro profetas. No pátio, ao observar os mosaicos, será improvável não ver a estátua imponente de São Paulo, que sustenta o símbolo de seu martírio, a espada.

Basílica de São Paulo Extramuros
Basílica de São Paulo Extramuros

Ao entrar na basílica, irá perceber que se trata quase de uma floresta de mármore. São oitenta colunas monolíticas de granito. Após uma grande restauração, no arco do triunfo ao centro, se pode ver Cristo no ato de abençoar, com dois anjos e símbolos evangelistas.

A ampla abside foi decorada por Honório III. No mosaico, está Cristo abençoando entre os Santos Paulo, Lucas, Pedro e André.

 

Igreja de São Pedro in Vincoli igrejas e basílicas

O nome desta igreja deriva das correntes usadas para amarrar São Pedro, quando ficou preso em Jerusalém em sua transferência para Roma.

Igreja de São Pedro in Vincoli
Igreja de São Pedro in Vincoli

Esta basílica é famosa por nela estar localizado o Mausoléu de Júlio II, a cuja construção Miguel Ângelo só pode se dedicar três anos, antes de ser enviado para Florença novamente, por Leão X. Miguel Ângelo esculpiu a figura de Moisés, mas não teve como terminar as estátuas de Lia e Raquel.

 

Basílica de São Clemente igrejas e basílicas

Visitar essa basílica em especial, é de fato uma viagem no tempo e na história. A basílica superior apresenta uma estrutura do século XII, cada uma com sua abside, divida por dezesseis colunas.

Na basílica inferior, encontra-se o famosíssimo fresco que representa a Lenda de Sisínio, que foi pintado no ano mil. Indo para o terceiro andar, há o santuário de Mithra, do século III. Possui triclínios laterais e ao centro a ara quadrangular, com interessantes relevos. Para retornar aos andares superiores, basta passar pela Casa da Moeda, da Roma Imperial.

Basílica de São Clemente Mitreu
Basílica de São Clemente Mitreu

 

Espero que tenha curtido este guia e tenha uma ótima viagem!