Veto migratório. As consequências do grande muro que Trump está criando, para dificultar a entrada de estrangeiros nos EUA

Desde que foi eleito, Donald Trump tem criado muita polêmica. Uma de suas primeiras ações foi colocar em prática, a construção do oleoduto que atravessa terras indígenas, consideradas sagradas. O projeto havia sido rejeitado por Barack Obama, devido aos impactos ambientais e as mudanças climáticas que vem acontecendo nas últimas décadas.Mas, a ação mais polêmica e que mais chamou atenção do mundo, foi o veto migratório.

O veto migratório proposto por Trump, tem como principal objetivo, impedir a entrada de estrangeiros, de países de maioria muçulmana e também vetar a entrada de refugiados.

Apesar desta abominável ação já ter sido barrada na justiça, por um tribunal federal em Maryland, o governo Trump está tomando todas as decisões cabíveis para que o veto migratório, entre mais uma vez em vigor.

O porta-voz de Trump, Sean Spicer, se pronunciou, e de forma resumida o que disse foi que, o departamento de justiça de Maryland, não está em comum acordo com o Departamento de Justiça Americano.

Sendo assim, farão de tudo para que a ordem executiva do presidente Trump possa ser concretizada, pois está apenas priorizando a proteção do povo americano.

O governo Trump, ainda relata que não é uma proibição contra povos árabes ou muçulmanos exclusivamente. Mas, que o veto migratório visa apenas à prevenção de ataques terroristas em solo americano.

As consequências do Veto Migratório

Bom, aqui vão algumas para você ter uma breve noção de como o mundo reagiu sobre este veto e como a economia americana vai sofrer.

As reservas de turistas caíram mais de 10%. Isso somando a primeira vez que o veto foi proposto por Trump, e foi vetado pelo tribunal de Maryland e agora, quando o governo Trump iniciou legalmente a derrubada do bloqueio, que proíbe o veto migratório de ser imposto.

Sei que olhando por este ângulo, não parece muito, pouco mais de 10%. Entretanto, a projeção em longo prazo, na economia do turismo americano, não é nada boa.

As decisões de Trump podem fazer com que 6,3 milhões de estrangeiros deixassem de viajar aos EUA, e isso corresponde à $30 bilhões de dólares ao ano. Estes são dados da Tourism Economics.

Para um país que se recuperou de uma grave crise, não faz nem uma década, isto é algo para se preocupar. Para que tenha uma ideia, somente no final de 2016, nos últimos três meses, os lucros provenientes do turismo, caíram mais de 3%.

E nós, como ficamos? Bom, as notícias não são muito animadoras para quem vai tirar o visto, tanto para quem vai renová-lo.

Previamente, aqueles que pediam a renovação em até 48 meses, não precisavam realizar a entrevista, porém agora, somente os que solicitarem a renovação em 12 meses, e vão estar isentos da entrevista padrão.

Para aqueles que forem tirar o visto, terá que enfrentar a entrevista obrigatoriamente.

Porém, caso tenha idade inferior a quatorze anos e tenha uma idade superior a setenta e nove anos, será dispensado da entrevista. Fiquem atentos!