Como fazer a sua mala de viagem de forma profissa

Em toda viagem, quando vai arrumar sua mala, você se lembra que não era bom no Tetris?

As frases mais comuns que saem da sua boca são: “Não acredito! A mala não quer fechar de jeito nenhum”, “Como vou fazer para caber tudo dentro dela?”

Se sim, você é uma pessoa normal que gosta de viajar e tem problemas aqui e ali para fazer a sua mala!

A internet tem diversos guias. Alguns tão difíceis que precisaria ser um mestre japonês do origami para fazer a sua mala.

Então trouxe para você algumas dicas especiais para você aprender a fazer sua mala como um profissional e de forma fácil. Vamos lá?


1. Não deixar para última hora

Sim, eu sei. Essa dica é bem óbvia. Todos nós sabemos que deixar para arrumar a mala no último minuto, quando o ônibus está quase passando não é uma boa escolha. Mas você realmente consegue fazer isso?

Então se quiser evitar grande parte do stress da viagem, prepare a mala no dia anterior, antes de dormir. Já vai te livrar da maior dor de cabeça, e da correria.

E você ainda corre o risco de quebrar o zíper da sua mala, forçando por causa da pressa.


2. Fazer uma lista

A maior dúvida sobre fazer a mala é: O que devo levar?

Não existe resposta certa ou errada aqui. O modelo que eu te recomendo é o seguinte:

Na sua próxima viagem, faça uma lista antes do que você precisa levar, levando em consideração:

  • O clima do lugar que você vai. Isso vai dizer o quanto de blusas e calças você vai levar.
  • Roupas íntimas e meias: Conte uma para cada dia, e leve emergências. Se for ficar 7 dias fora, leve 9-10  trocas.
  • Camisetas: Conte 1 para cada dia.
  • Camisas e polos: Se você vai usar elas mais do que camisetas, 1 por dia, caso contrário, 1 a cada 2 dias.
  • Bermudas: Conte 1 para cada dia (se você usar e não tiver frio por lá).
  • Calças: Esse é um tema polêmico. Mas levar 2-3 por semana de viagem é um bom número. Caso esteja frio, adicione mais 1. Mas 3 parece ser o número ideal
  • Blusas: Veja que tipo de blusas você vai precisar. Para o dia a dia e para sair / vida noturna. A cada semana pode se programar para 2-3 blusas do dia a dia e 1-2 blusas para sair.
  • Sapatos: Mulheres vão ficar bravas comigo. Mas aqui menos é mais. Tenha 1 bom par de tênis confortáveis para caminhar. Afinal você vai se aventurar, e caminhar de salto alto é bem cansativo. Além disso, 1-2 pares no máximo para utilizar em eventos especiais e vida noturna. Mais do que isso você já precisa de uma mala muito maior.

Nesse primeiro momento, faça a lista. Depois você pode se acostumar e fazer de cabeça.

Tudo bem. Eu sei que provavelmente você vai levar mais coisas do que está na lista.

Então, quando voltar, na hora de desfazer as malas, separe os itens que você usou, e aqueles que só te ajudaram a desenvolver seu bíceps, e você nem chegou perto.

Assim, você consegue customizar a lista para a sua necessidade e evitar levar suas roupas para passear!


3. Fazer a mala de viagem

Agora vamos ao principal:

  • Apesar do que você vê em vários sites com dicas, não enrole suas peças. Fazer isso parece que libera espaço, mas na verdade só evita ter uma segunda camada de roupas por cima.

PRIMEIRA CAMADA

  • Comece a mala com: Sapatos, Calças, Jaquetas e blusas, cintos, bolsas, jóias, roupas íntimas e óculos.
  • Calças dobradas duas vezes, como se cortasse as pernas no meio (exceto calçar sociais que precisam ser estendidas)
  • Jaquetas e blusas, ou esticadas, ou dobradas da forma convencional.
  • Roupas íntimas vão nos vãos nas laterais da mala. Coloque onde couber
  • Itens de higiene e perfumes devem ser colocados mais no centro da mala para que as roupas protejam eles de choques (na dúvida coloca em uma sacola, para evitar de um shampoo abrir e sujar as roupas).
  • Toalha, se for levar, procure um espaço nessa primeira camada. Ela esticada ocupa menos espaço do que enrolada.

SEGUNDA CAMADA

  • Em cima disso tudo, coloque as peças menos sensíveis primeiro e depois as mais sensíveis.
  • Comece com polos e camisetas, depois camisas.
  • Se tiver camisas sociais, já assuma que vai amassar. Então coloque esticado por cima de tudo.

 4. Extra: Mala de costas

Sempre ouvimos falar de pessoas que tiveram malas extraviadas mas pensamos: “não vai acontecer comigo!”. Eu também pensava assim, até que aconteceu!

Para evitar problemas por falta de roupa, eu recomendo que você leve um troca extra de roupa na sua mala de costas, ou qualquer outra que vá com você no avião.

Assim, mesmo se houver um problema, você ainda tem uma troca de roupa e não vai ter que caprichar no desodorante enquanto sua mala não retorna!

Gostou das dicas? Conhece alguma outra que pode ajudar outras pessoas? Nos conte aqui!